NOTA DE ESCLARECIMENTO

07/05/2020

A Associação Brasileira de Proteína Animal – ABPA não é a fonte da informação abaixo, divulgada pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo:
“A ABPA, Associação Brasileira de Proteína Animal, registra que alguns criadores estão reduzindo sua produção ao alojar menos aves e abatendo matrizes entre 55 e 58 semanas, mais cedo do que o habitual, para que produzam menos ovos, o que pode afetar os níveis de produção de carne em 7 a 10 semanas e, em 60 dias, causar uma redução de 3% a 5% na produção avícola brasileira.”
Por solicitação da associação, a Secretaria atualizou o comunicado com a informação correta – esta sim, tendo como fonte a ABPA:
“A ABPA, Associação Brasileira de Proteína Animal, informa que há uma retração pontual no alojamento paulista, o que pode gerar uma retração de até 5% na produção do Estado durante o período de pandemia.”

Simpósio Facta aborda produção sem antimic. melhoradores de desempenho

Leia Mais

Exportações de carne suína alcançam 89,3 mil toneladas em maio

Leia Mais

Conheça os projetos de apoio à exportação de proteínas brasileiras

Brazilian Pork Brazilian Chicken Brazilian Egg
WordPress Image Lightbox