Posicionamento da ABPA sobre o papel da Apex-Brasil

11/04/2019

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) discorda do editorial de hoje do Jornal O Globo que, entre outros pontos, sugere a extinção da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), considerando-a um “organismo inoperante”.

A avicultura, a suinocultura (setores contemplados na associação) geram, juntas, quase US$ 8 bilhões em exportações anualmente (dados de 2018).  São 4,1 milhões de empregos diretos e indiretos gerados nesta grande cadeia produtiva. Isto, sem contar outros setores da economia beneficiados pelas ações da agência.

Grande parte deste saldo é alcançado graças às ações viabilizadas pelos Projetos Setoriais Brazilian Chcicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork, mantidos pela entidade em parceria com a Apex-Brasil.

O suporte da agência não se restringe a recursos financeiros – feitos sob a lupa de auditoria independente, e com a exigência de contrapartidas dos setores.   Vai muito além: a Apex-Brasil desenvolveu uma marca internacional para o País e estimulou na economia brasileira a necessidade da promoção setorial.

A expertise da equipe qualificada e o suporte dos escritórios internacionais da agência deram novos caminhos para as exportações brasileiras, em especial, para as pequenas e médias empresas.  A consultoria prestada pela Apex-Brasil foi primordial.

Veja o exemplo da avicultura.  A implantação do projeto setorial auxiliou as exportações de carne de frango, que aumentaram ano após ano, contribuindo para o Brasil conquistar a liderança mundial, com uma fatia de quase 40% das exportações globais.

A Apex-Brasil é importante para os setores produtivos exportadores e para a retomada econômica brasileira.  Ao invés de extinção, defendemos a ampliação de seu papel.  Como toda nação que preza pelas exportações, o Brasil deve incrementar a promoção comercial internacional.

Simpósio Facta aborda produção sem antimic. melhoradores de desempenho

Leia Mais

Exportações de carne suína alcançam 89,3 mil toneladas em maio

Leia Mais

Conheça os projetos de apoio à exportação de proteínas brasileiras

Brazilian Pork Brazilian Chicken Brazilian Egg
WordPress Image Lightbox