República Dominicana setuplica habilitações de frigoríficos de aves do Brasil

08/04/2021

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou as habilitações de novas unidades frigoríficas de aves brasileiras para a República Dominicana, conforme informação repassada esta semana pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil.

Ao todo, são 28 plantas novas plantas habilitadas, aumentando em sete vezes o número de habilitações – anteriormente, apenas 4 plantas estavam habilitadas para o destino.   

As novas habilitações são de unidades da Cooperativa Lar e das empresas BRF e JBS (que já exportavam para este mercado), localizadas nos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, Distrito Federal e Bahia.

“A República Dominicana é um mercado com o qual já trabalhamos a alguns anos e estas novas habilitações vêm para consolidar uma parceria importante entre os dois países. É seguramente um dos mercados mais promissores da região, que possibilitará ainda mais a diversificação das nossas exportações e deverá contribuir para a expansão dos resultados do setor em 2021”, analisa Ricardo Santin, Presidente da ABPA.

Simpósio Facta aborda produção sem antimic. melhoradores de desempenho

Leia Mais

Exportações de carne suína alcançam 89,3 mil toneladas em maio

Leia Mais

Conheça os projetos de apoio à exportação de proteínas brasileiras

Brazilian Pork Brazilian Chicken Brazilian Egg
WordPress Image Lightbox