ABPA comemora habilitação de frigoríficos de aves e suínos para a Coreia do Sul

28/02/2019

São Paulo, 28 de fevereiro de 2019 – O Presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Francisco Turra, comemorou a habilitação de nove frigoríficos exportadores de aves e de suínos para embarques à Coreia do Sul.  As habilitações foram confirmadas hoje pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

São cinco novas plantas frigoríficas exportadoras de carne suína e quatro plantas de carne de aves.  Com estas unidades, o Brasil detém hoje 35 estabelecimentos de aves e de suínos exportando para a Coreia do Sul.  Vale lembrar que o mercado sul-coreano abriu recentemente seu mercado para a carne suína brasileira, com a habilitação à época de quatro plantas.

Em 2018, a Coreia do Sul importou 113,1 mil toneladas de carne de frango, volume 27,2% superior ao mesmo período do ano passado.  Atualmente é o nono maior importador do produto brasileiro.  Já de carne suína, foram importadas 1,6 mil toneladas no mesmo período.

“A Coreia do Sul é um dos mercados mais pujantes entre os importadores da proteína animal do Brasil. Os números indicam um movimento ascendente nas exportações para aquele destino, o que se confirma com a habilitação das novas plantas, uma conquista para o Brasil.  É um importante sinal de confiança estabelecida com o setor de proteína animal brasileiro, consequência, também, dos grandes esforços empenhados pela ABPA neste processo”, destaca Turra.

ABPA reforça valores sustentáveis do setor brasileiro na Expo 2020 Dubai

Leia Mais

Exportadores projetam US$ 490,2 milhões em negócios após a Anuga 2021

Leia Mais

Conheça os projetos de apoio à exportação de proteínas brasileiras

Brazilian Pork Brazilian Chicken Brazilian Egg
WordPress Image Lightbox